Barra Livros
www.barralivros.com


JUROS VERSUS PREÇOS DOS ATIVOS


(Extraído do livro Poupe Mais e Invista Melhor, de autoria de Sérgio Mamede – Permitida a reprodução deste texto, desde que citada a fonte)


     “Muitos investidores novatos têm um falso entendimento de que quando os juros caem, os preços de seus ativos também caem, mas o comportamento dos preços é realmente inverso ao dos juros.


     O que será demonstrado aqui explica parte dos movimentos de curto prazo nos preços dos ativos, cuja previsão é possível, embora com algum risco, por parte daqueles que se aprofundarem no conhecimento do comportamento da macroeconomia.


Simulações de mudança nas taxas de juros


     Para melhor compreensão dos impactos das mudanças no custo do capital sobre o preço dos ativos, serão apresentadas inicialmente duas simulações. Na primeira, a taxa de juros para 30 dias cai de 1,0 % ao mês para 0,9 % ao mês. Na segunda simulação, ela sobe de 1,0 % ao mês para 1,1 % ao mês.


     Suponha também que nessas duas situações, o investidor tenha um título que será resgatado no seu vencimento, daqui a 30 dias, pelo valor nominal de R$ 1,00.


     Assim, seu valor de mercado, descontada a taxa de juros de 1 %, antes das simulações de mudanças, será:


PV = 1/1,01 = 0,99010 (aplique a fórmula de desconto composto)


    Na primeira simulação a taxa de juros cai para 0,9% ao mês, para o mesmo prazo. Aplicando-se a fórmula, pode-se perceber que o valor de mercado do título terá que subir para:


PV` = 1/1,009 = 0,99108


     Na segunda simulação a taxa de juros sobe para 1,1 % ao mês, também no mesmo prazo. O valor de mercado do título cai para:


PV`` = 1/1,011 = 0,98912


     Como foi visto, na primeira simulação, a taxa de juros caiu de 1,0 % para 0,9 % ao mês e o valor do título subiu 0,1%, de 0,99010 para 0,99108. Na segunda simulação, a taxa subiu de 1,0 % para 1,1 % e o preço do título caiu 0,1 %, de 0,99010 para 0,98912.


     Comportamento similar ocorre também com os preços dos títulos a taxas pós-fixadas, com imóveis e com ações, com relação às alterações nas taxas reais de juros. No entanto, existem outros fatores que influenciam os preços dos imóveis e ações, que não apenas as mudanças nessas taxas.


     Embora esses impactos sejam de curto prazo, pois ocorrem de forma concomitante às oscilações nas taxas de juros, eles trazem ameaças e oportunidades para os investidores.


   Assim, cabe ao investidor procurar antecipar essas oscilações nas taxas de juros, de forma a melhorar o desempenho de sua carteira, porquanto o somatório de ganhos de curto prazo terá grande impacto no longo prazo.

Conclusão 1 : Quando a taxa de juros de mercado cai, o valor de mercado dos ativos sobe e quando a taxa de juros sobe, o valor desses ativos cai.


     É importante destacar, que quando o preço do ativo cai, pelo motivo aqui demonstrado, ele passa a embutir uma taxa de retorno maior, logo vender um ativo nessa situação pode significar perda de dinheiro, a não ser que se esteja projetando uma continuidade na alta dos juros.


   Mas se o investidor decidiu aplicar na caderneta de poupança, para fugir da influência da oscilação das taxas de juros de mercado sobre o valor do seu investimento, ele está realmente protegido?


     A resposta de pronto é NÃO, não está protegido, pois o fato de a aplicação não ser precificada a mercado e, consequentemente, não sofrer oscilações em função de alterações nas taxas de juros, não muda a realidade da mudança no custo do dinheiro. Assim, o investidor estará perdendo sempre que a taxa de juros de mercado, líquida de impostos, for maior do que a taxa que estiver recebendo na caderneta de poupança. Só nas situações inversas é que ele estaria ganhando, mas não são tão comuns.


   Os únicos investimentos que estariam um pouco mais protegidos das oscilações das taxas de juros de mercado são aqueles feitos a taxas flutuantes, que remuneram à própria taxa de mercado de curto prazo, acrescida de um ágio ou deságio, a exemplo das LFT. Mas, caso haja alteração nesse ágio ou deságio, os preços desses ativos também oscilam, embora em menor magnitude, pois essas oscilações costumam ser bem menores.

Simulações em prazos maiores


  Agora, em simulações similares às anteriores, mas considerando que o título somente será resgatado daqui a um ano, considerando a taxa de juros de 1,0 % ao mês, para todos os meses do ano, seu valor de mercado seria:


PV = 1/1,0112= 0,88745


    Caso a taxa de juros caia para 0,9 % ao mês, ele passaria a valer:


PV` = 1/1,00912= 0,89806


    Por outro lado, caso a taxa suba para 1,1 % ao mês, o valor do título passaria para:


PV`` = 1/1,01112= 0,87697


   Assim, se a taxa de juros de mercado cair de 1,0 % ao mês para 0,9 % ao mês, o valor do título no mercado subirá 1,2 %, portanto bem mais do que no caso do título de um mês. Se a taxa de juros de mercado subir de 1,0 % ao mês para 1,1% ao mês, o valor do título de um ano cairá 1,1 %, bem mais do que no caso do título de um mês.


Conclusão 2: Quanto maior o prazo do título maior é a influência das oscilações nas taxas de juros de mercado em seus valores



_______________________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________________

    Assim, se você está projetando um cenário de elevação nas taxas de juros do mercado, deve vender títulos de prazos longos e comprar de prazos mais curtos, de preferência a taxas flutuantes ou, dependendo da força da alta, migre para a caderneta de poupança.


    Caso contrário, se seu cenário for de estabilidade ou queda nas taxas de juros, você deve alongar o prazo de suas aplicações.


    No entanto, os juros futuros já consideram as expectativas de mercado com relação a seu comportamento, o que dificulta um pouco a exploração dessa estratégia, motivo pelo qual é importante conhecer um pouco mais sobre o comportamento do custo do capital.”

_______________________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________________

capa.png